Arquivo da tag: Paulo Leminski

Minhas 7 Quedas – Paulo Leminski #umpoemapordia

minha primeira queda não abriu o pára-quedas daí passei feito uma pedra pra minha segunda queda da segunda à terceira queda foi um pulo que é uma seda nisso uma quinta queda pega a quarta e arremeda na sexta continuei … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Leminski do dia

Tenho andado fraco levanto a mão é uma mão de macaco tenho andado só lembrando que sou pó tenho andado tanto diabo querendo ser santo tenho andado cheio o copo pelo meio tenho andado sem pai yo no creo en … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com , | Deixe um comentário

Gardênias e Hortênsias – Ná Ozzetti e José Miguel Wisnik #umpoemapordia

Gardênias e hortênsias Não façam nada Que me lembre Que a este mundo eu pertença Deixem-me pensar Que tudo não passa De uma terrível coincidência Subir No raio de uma estrela Subir até Sumir Subir até sumir No brilho puro … Continuar lendo

Publicado em musica, poesia | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Quem mandou? – Alice Ruiz #umpoemapordia

Você já veio com contra indicação altos riscos de contaminação não dei bola joguei a bula fora quem mandou? Chegou assim de vírus, radiação contaminando minh’ alma e coração não dei bola joguei a bula fora quem mandou? Tive febre … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Dor Elegante – Itamar Assumpção e Paulo Leminski

Um homem com uma dor É muito mais elegante Caminha assim de lado Com se chegando atrasado Chegasse mais adiante Carrega o peso da dor Como se portasse medalhas Uma coroa, um milhão de dólares Ou coisa que os valha … Continuar lendo

Publicado em musica, poesia | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Já Me Matei… (Paulo Leminski)

já me matei faz muito tempo me matei quando o tempo era escasso e o que havia entre o tempo e o espaço era o de sempre nunca mesmo o sempre passo morrer faz bem à vista e ao baço … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com , | Deixe um comentário