Arquivo da tag: Emil de Castro

Abismo – Emil de Castro #umpoemapordia

Quando a noite mergulhar-me as garras no peito meu corpo se queimará em cintilações e eu serei eterno no mundo. Quando a noite mergulhar sua lâmina no meu corpo os luares que amei partirão todos os espelhos onde a minha … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com , | Deixe um comentário