Vazio – Augusto Frederico Schmidt #umpoemapordia

A poesia fugiu do mundo.
O amor fugiu do mundo —
Restam somente as casas,
Os bondes, os automóveis, as pessoas,
Os fios telegráficos estendidos,
No céu os anúncios luminosos.

A poesia fugiu do mundo.
O amor fugiu do mundo —
Restam somente os homens,
Pequeninos, apressados, egoístas e inúteis.
Resta a vida que é preciso viver.
Resta a volúpia que é preciso matar.
Resta a necessidade de poesia, que é preciso contentar.

schmidt(Poema de Augusto Frederico Schmidt, publicado no livro Pássaro Cego, de 1930. Frederico Schmidt foi um poeta carioca, da segunda geração do Modernismo brasileiro, além de editor e dono de livraria. Foi também presidente do clube Botafogo, entre 1941 e 1942, e fundador de uma popular cadeia de supermercados no Rio de Janeiro, a Disco.)

Anúncios
Esse post foi publicado em poesia e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s