TEDxFMUSP – Sanus urben, sanus civis

Tô fazendo um trabalho voluntário de divulgação de um TEDx da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) que vai discutir a cidade como um lugar para se pensar sobre saúde, inovação, criatividade, convivência, diversidade, economia e natureza. Vai rolar no dia 22 de novembro, quinta-feira, a partir da 10 horas da manhã, no Teatro da FMUSP, em São Paulo (avenida Doutor Arnaldo, 455).

Quem se interessa por esses assuntos, dá uma conferida na página do evento lá no Facebook , que está com material sobre os palestrantes, seus temas e assuntos afins. Tem tambem o site do evento, onde vc pode se inscrever para participar in loco (aqui, só até 28 de outubro, correae!) e, se desejar, também como voluntário (aqui, só até amanhã, dia 12 de outubro, corre mais ainda!!).

Entre os participantes já confirmados para o TEDx FMUSP estão os médicos Ana Claudia Quintana Arantes (especialista em Cuidados Paliativos) e Paulo Saldiva (pesquisador dos impactos da poluição urbana na saúde dos cidadãos), o jornalista Ricardo Ferraz (um dos idealizadores do Movimento Boa Praça), o arquiteto mexicano arquiteto Fernando Ortiz Monasterio Garza (projeto VerdeVertical, que  implementa jardins verticais pela cidade) e a escultora Elisa Bracher (fundadora do Instituto Acaia que oferece atividades sócio-educativas para crianças e adolescentes das comunidades do entorno do bairro Vila Leopoldina na capital paulista). A lista de todos os palestrantes está aqui.

O TEDx é o irmão mais novo do TED (não, não é aquele ursinho arruaceiro do cinema…), sendo um programa de eventos locais organizados independentemente – o ‘x’ é o selo que indica ser um evento independente do TED original. Este é um evento maior, que é organizado desde 1984, para discutir assuntos de Tecnologia, Entretenimento e Design (T.E.D, sacou?) e assuntos afins. São duas conferências anuais nos EUA e mais uma global, no Reino Unido. Mais info aqui (em português) e aqui (em inglês).

As palestras têm 18 minutos e os vídeos delas ficam disponíveis depois no site do TED.com. Durante as falas dos convidados, é possível acompanhar ao vivo pelo canal do TED no Youtube.  Se você não fala inglês, no problem (oops) – o Projeto de Tradução Aberta (Open Translation Project) oferece legendas e transcrições interativas, bem como a possibilidade de tradução de qualquer TEDTalk por voluntários do mundo inteiro.
Só para você ter uma ideia de como funciona a coisa, eis uma palestra feita pelo Saldiva num TEDx de 2009, sobre São Paulo:
Anúncios
Esse post foi publicado em civilização, comportamento, consumo, cultura, economia, internet, Meio Ambiente, politica, tecnologia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s