O que é que o Campus Party tem?

Hoje fui ao Campus Party, fazer um networking básico, assistir à palestra do Tim Berners-Lee (o criador da internet) e mostrar um pouco da campanha Salvar o Planeta. É Agora ou Agora, do Greenpeace, aos ‘campuseiros’.

A palestra do Tim foi bem legal, apesar de bem técnica. Curti o Open Street Maps que apresentou e sua defesa veemente de uma internet aberta e universal. Para ver um trecho da palestra do cara, clique aqui. No Blue Bus achei um bom resumo do que ele falou, que reproduzo abaixo:

A coisa mais importante quando vocês forem desenvolver alguma coisa na web é a universalidade. Vocês têm que ser capazes de utilizá-la independentemente da plataforma, do sistema operacional, do browser ou da cultura que vocês estejam usando… É muito importante que a internet permaneça aberta. O futuro está nas mãos de vocês. Se o browser que você usa não tem padrões abertos, não use este browser. Vocês fazem a escolha. Vocês estão no controle.

Não preciso dizer que o cara foi ovacionado, né?

Circulei pouco, infelizmente, mas deu pra ter uma boa noção do que se trata essa bagaça aqui (escrevo ainda do pavilhão). A tal mega fucking rede de 10GB da Telefonica, claro, deu problemas a dar com pau. Ora funcionava, ora não. E fiquei horas pra subir um vídeo de 64MB pro Youtube, esse daí debaixo (acabei desistindo do youtube e subindo no Dailymotion). Porra, imaginei que fosse pra ser quase instantaneo com tanto giga na parada. Lá em casa, com a conexão ajato mequetrefe que tenho, levou mais ou menos isso…

Não tive tempo de almoçar, nem teria saco pra enfrentar a mega fila do bandeijão, então encarei um dogão prensado com tudo que tinha direito (ervilhas, milho, purê de batata, e sei lá mais o que), regado com uma tradicional coca-cola. Tá reverberando até agora.

Encontrei pessoas com quem trabalhei no projeto dos Telecentros, da prefeitura de SP, entre eles Sérgio Amadeu, grande figura e um dos responsáveis pelo conteúdo do Campus Party. Marcamos um chope em Belém, ambos estaremos lá por conta do Fórum Social Mundial. Também o pessoal do Ecoblogs, mestre Wagner, a formiguinha Sylvia e o dínamo Lúcia Freitas. Tive um papo maneiro com Maira, organizadora do Campus Verde aqui no Campus Party e com quem pretendo ainda trocar muitas idéias sobre um projeto a ser tocado mais pro meio do ano.

O Campus Party é um grande congraçamento de aficionados pela internet e uma troca alucinada de informação. Software livre por aqui reina, mas o mundo corporativo já está pondo suas manguinhas de fora, com ações por todo o espaço. Mas o pessoal, pelo jeito, não dá muita bola.

Vi máquinas incríveis, tunadas até não poder mais, algumas no limite do bom gosto, como vc poderá ver aqui. E ao lado da mesa que usei no Campus Verde estava um grupo de índios tupinambás, vindos de Ilhéus (sul da Bahia) que, depois de fumarem um gigantesco cachimbo, iniciaram cantos e danças bem animadas, embalando estas mal traçadas linhas. O fumacê bateu legal, como vc pode ver no vídeo que fiz e pus no Dailymotion, segue:


by

Poucos vieram ver eles cantando e dançando porque Gilberto Gil estava no mesmo momento falando para uma tropa num palco ao lado. O cachimbo da paz dos tupinambás juntou mais gente do que a roda de cânticos e dança. Agora, a visão mais bizarra que tive aqui no Campus Party (não sei se foi efeito do fumacê do cachimbo) foi ver o ex-ministro Gil sair do palco seguido de uma trupê de nerds bicho-grilos com violões e bongôs, cantando músicas dele. Ê beleza…

Ah, estou twittando sobre a Campus Party, pra conferir é só clicar aqui.

Anúncios
Esse post foi publicado em cultura. Bookmark o link permanente.

3 respostas para O que é que o Campus Party tem?

  1. Vera disse:

    Comentário que rolou foi que você achou tudo o máximo com um certo ai Meu Deus……
    BJ

  2. Gaza « Sierra Maestra disse:

    Gaza « Sierra Maestra

    […] Janeiro 09 às 11:07 pm · Arquivado em Gaia, Geral, Política Cumpádi Escriba (que tá aqui neste exato momento) publicou um texto muito maneiro sobre o conflito em Gaza, escrito por um […]

  3. Do Campus Party para Belém : musica disse:

    Do Campus Party para Belém : musica

    […] Leia mais deste post no blog de origem: Clique aqui e prestigie o autor […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s