A inevitável queda

Depois do domingo, vem sim a segunda. Fui ao jogo do Vasco hoje contra o Vitória, com meu pai, meu camarada Jesuan e um amigo dele, mas não teve jeito… Era preciso vencer e ainda torcer por dois outros resultados. Mas perdemos e todos os outros resultados foram desfavoráveis. Que venha então a segundona!

São Januário estava lotado – de torcedores e policiais. O clima era pra lá de tenso. Vesti minha camisa do Expresso da Vitória (esse timaço aí da foto) e fui confiante ao estádio, mas…. céus, que time horroroso!! Os únicos que se salvaram no jogo foram Madson e Odvan (pra vc ver…). O Vitória fez o primeiro gol, o Vasco pressionou, mas muito destrambelhado. E no segundo tempo, veio a pá de cal, com mais um gol dos baianos. Ajudei no coro contra Eurico, o grande responsável pela atual situação do Vasco e fui embora cabisbaixo.

Alguém tem aí o telefone do motorista da delegação do Corinthians? Ele será o primeiro reforço do Vasco para a Segunda Divisão…

Anúncios
Esse post foi publicado em esporte. Bookmark o link permanente.

12 respostas para A inevitável queda

  1. Jubal disse:

    Tens razão…
    Time não está a altura da tradição dos cruzmaltinos e este Eurico…

  2. zé josé disse:

    Não fica assim, netinho. Pra subir basta ser vice.

  3. escriba disse:

    nossa, vovô, vc ta cada dia mais engraçado, heim? :/

  4. Paulo Lima disse:

    É Jorge,
    E olha que nem precisou o Mengão ajudar… Aí, minha solidariedade, franca, fraterna. Vou torcer pro Vascão na segundona.

    abraço,
    paulo

  5. escriba disse:

    valeu, maloca!! vamos juntos ver vasco e duque de caxias!!

  6. Jorge, o Eurico ajudou bastante, mas como o Roberto, por tê-lo sucedido, é um darling da mídia (apesar de ser testa-de-ferro da turma do Fernandão e do Olavo de Carvalho), nego esquece que ele entrou sem um plano de emergência, brigou com Morais, Wagner Diniz, contratou Odvan, Pinilla, Fernando, trouxe o inenarrável Tita, contratou Renato Gaúcho, agora acabou de perder Madson… e, no plano administrativo mandou embora gente como Paulo Angioni pra botar um povo que nunca tinha trabalhado no futebol. E ainda mandou embora Lídio Toledo pra trazer de volta Clóvis Munhoz, com quem nenhuma contusão dura menos de dois meses.

    Eurico era um encosto, mas essa turma tem mostrado uma incompetência sem tamanho. Leio hoje no jornal que querem prorrogar o contrato do Leandro Amaral. Será que não perceberam que, como o Alex Dias, ele já entrou em decadência?

  7. escriba disse:

    muito engraçadinha, Gabi…

  8. escriba disse:

    Luiz, pode até ser que o Roberto Dinamite não seja o salvador da pátria, mas melhor do que o Eurico, com certeza é… Pelo menos acertou uma agora, com o novo técnico. Vamos ver os próximos passos…

  9. telefone » Blog Archive » A inevitável queda disse:

    telefone » Blog Archive » A inevitável queda

    […] Leia mais direto na fonte: escriba.org […]

  10. esporte » Blog Archive » A inevitável queda disse:

    esporte » Blog Archive » A inevitável queda

    […] Leia mais direto na fonte: escriba.org […]

  11. corinthians » Blog Archive » A inevitável queda disse:

    corinthians » Blog Archive » A inevitável queda

    […] Leia mais direto na fonte: escriba.org […]

  12. Corinthians Online » Blog Archive » A inevitável queda disse:

    Corinthians Online » Blog Archive » A inevitável queda

    […] Expresso da Vitória (esse timaço aí da foto) e fui confiante ao estádio, mas…. céus… leia mais fonte: […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s