Nunca diga adeus a Isaac Hayes

Volto do Aquário de São Paulo, onde passei o Dia dos Pais com a molecada, e dou de cara com essa notícia: morre Isaac Hayes, aos 65 anos, de causa desconhecida. Dureza… Uma das vozes mais emblemáticas do soul (estilo Barry White), um figuraça no palco, autor de canções inesquecíveis (a trilha de Shaft já lhe garante o título de gênio).

Para homenageá-lo, poderia por pra tocar o Hot Buttered Soul, Black Moses ou mesmo a trilha de Shaft, mas vou curtir solenemente o Wattstax, dois álbuns duplos de 1973 que reproduzem o woodstock negro que rolou um ano antes em Los Angeles e que teve Hayes como sua atração principal. O evento foi organizado pela gravadora Stax para relembrar o sétimo aniversário dos conflitos de Watts (um bairro de LA) entre a polícia e a comunidade negra local, que deixou 34 pessoas mortas e milhares de feridos.

Hayes tocou três músicas para uma platéia de mais 100 mil pessoas no estádio Los Angeles Coliseum: o tema de Shaft, Soulsville e Ain’t no Sunshine. Uma beleza. Vi o festival pelo DVD que comprei tempos atrás. Hayes é ovacionado quando entra com sua então tradicional jaqueta de correntes douradas. E manda ver no piano, alucinado.

Um dos grandes sucessos de Isaac Hayes é Never Can Say Goodbye (Black Moses, 1971). Realmente, muito difícil dizer adeus para um cara como esse. Dá uma conferida nos vídeos aí embaixo e vê se estou exagerando – no primeiro, ele canta o grande sucesso; no segundo, sua apoteótica entrada em Wattstax, apresentado pelo reverendo Jackson para tocar o tema de Shaft:

(Ah, também estiveram presentes em Wattstax: Carla e Rufus Thomas, Albert King, Staple Singers, The Bar-Kays, Eddie Floyd, Little Milton e Jimmy Jones, entre outros. Não à toa foi considerado à época como a resposta negra para Woodstock. Na boa? Pelo naipe dos convidados de ambos os festivais, fico com Wattstax. Fácil.)

Anúncios
Esse post foi publicado em documentario. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Nunca diga adeus a Isaac Hayes

  1. fábio josé de mello disse:

    Grande perda.

  2. Naeno disse:

    Lindo o teu espaço. Muito alternativo.

    Gostei e vou linká-lo entre os meus prediletos.
    Beijos na pele do teu coração
    Naeno

  3. Ricardo Mouzinho disse:

    Soube do desaparecimento de Isaac Hayes através do site Cotonete (http://cotonete.clix.pt/). Já tínhamos saudades dele como Chef no South Park, agora partiu mesmo. É também a ele que devo a descoberta de um novo site de música na Internet, muito completo, esse mesmo o Cotonete.

  4. escriba disse:

    Uma grande perda, com certeza…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s